Othelino participa da solenidade de posse dos novos servidores da Polícia Civil

O presidente da Assembleia Legislativa do Maranhão, deputado Othelino Neto (PCdoB), participou, nesta quarta-feira (28), da solenidade de posse coletiva dos novos servidores da Polícia Civil, entre eles delegados, peritos criminais, escrivães e investigadores. No evento, o chefe do Legislativo destacou que a posse dos policiais civis, no Dia do Servidor Público, é um momento marcante para o fortalecimento do sistema de segurança do Estado.

Othelino Neto falou, também, sobre a satisfação do Poder Legislativo em participar do ato, que demonstra o investimento permanente do Governo do Maranhão na segurança pública, o que tem se traduzido em números positivos para o Estado, como a redução dos indicadores da criminalidade.

“A nomeação de novos policiais civis reforça o nosso sistema de segurança. Agora, eles se somam aos policiais militares, muitos destes nomeados também nos últimos cinco anos. Isso evidencia a segurança pública como uma prioridade de governo, que vem sendo aperfeiçoada e melhorada significativamente, fazendo com que nós, que aqui residimos, tenhamos uma sensação de segurança cada dia maior”, ressaltou Othelino.

Representando o governador Flávio Dino, o secretário de Estado da Segurança Pública, Jefferson Portela, afirmou que a posse dos novos servidores faz parte da política de fortalecimento do sistema estadual de segurança, que tem como uma das ações prioritárias o aumento do contingente policial. 

Reforço 

“São 106 novos policiais civis, entre delegados, peritos, investigadores e escrivães. É um reforço expressivo, que possibilita o encaminhamento de alguns deles também para o interior do estado. É um grande dia para a Polícia Civil e para o nosso planejamento de segurança”, assinalou Portela.

O delegado-geral de Polícia Civil, Armando Gomes Pacheco, destacou que a posse dos novos servidores torna a instituição mais efetiva e, certamente, trará mais resultados para a sociedade.

“Praticamente 5% do efetivo da Polícia Civil está entrando agora. São 12 delegados de polícia, 20 escrivães e 60 investigadores. A iniciativa terá um impacto direto na vida de cerca de 3,5 milhões de pessoas do Maranhão. Agradecemos ao secretário de Segurança Pública, que intercedeu junto ao governador Flávio Dino pela nomeação desses novos servidores da Polícia Civil”, concluiu o delegado.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *