Deputados movem Ação Popular contra “eleição” de Washington para o TCE

Dutra alega que Washington não reúne condições de ser conselheiro
Dutra alega que Washington não reúne condições de ser conselheiro
Bira do Pindaré também contesta "escolha" de Washington
Bira do Pindaré também contesta “escolha” de Washington

O deputado federal, Domingos Dutra (SDD/MA), e o deputado estadual Bira do Pindaré (PSB/MA) ingressaram com Ação Popular com Pedido de Medida Liminar, na Vara da Fazenda Pública da Comarca de São Luís, contra o governo do Maranhão, a Assembleia Legislativa e o vice- governador, Washington Oliveira. Os parlamentares querem evitar a escolha de WO como conselheiro do Tribunal de Contas do Estado (TCE).

No começo de outubro, surgiu uma vaga de conselheiro do Tribunal de Contas do Estado com a aposentadoria de Yêdo Flamarion Lobão. A Assembleia Legislativa do Estado do Maranhão tinha o dever legal de imediatamente escolher o novo conselheiro para o TCE. No entanto, o presidente da Assembleia Legislativa, deputado Arnaldo Mello (PMDB), suspendeu o processo para aguardar a eleição interna do PT (PED), partido do qual faz parte o vice-governador WO.

Como, até o momento, a eleição interna no PT não terminou a Assembleia Legislativa não escolheu ainda o novo conselheiro. “A oligarquia Sarney não se cansa de expor o Maranhão ao vexame nacional. É inadmissível que o parlamento fique esperando o resultado da disputa interna do PT para eleger o novo conselheiro do Tribunal de Contas. O vice- governador não preenche os requisitos técnicos, jurídicos e nem contábeis para ser conselheiro. O mesmo não tem experiência nem competência para exercer um cargo de tamanha relevância”, completou Domingos Dutra.

Barganha política

Para o  parlamentar, o povo maranhense não pode aceitar que o Tribunal de Contas do Estado seja utilizado para barganha política. Segundo Dutra, a oligarquia Sarney odeia os petistas, não confia no vice-governador e, para se livrar do mesmo, quer premiá-lo com um cargo vitalício no Tribunal.

Por outro lado, segundo Domingos Dutra, o presidente da Assembleia tem interesse no processo porque sonha em ser governador, a partir de abril, quando a atual governadora, Roseana Sarney, sairá para disputar o Senado.

Postagens relacionadas

3 thoughts on “Deputados movem Ação Popular contra “eleição” de Washington para o TCE

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.