Em caso de "terremoto político", PSB lançaria candidato a governador no Maranhão

“Se tiver que compor com o PPS em 2014, nosso partido tem que ser locomotiva. Não pode ser vagão”, disse Marcelo Tavares 


Marcelo Tavares disse que PSB tem
 mais densidade eleitoral que o PPS
O deputado estadual  Marcelo Tavares (PSB), cotado para coordenar a campanha do pré-candidato ao governo do Maranhão pelo PCdoB, Flávio Dino, em 2014, disse, em conversa com jornalistas na manhã desta quarta-feira (23), não acreditar que o PSB nacional direcione o partido para uma aliança com a pré-candidata do PPS, Eliziane Gama, como especulam setores da Imprensa. Porém,  segundo o parlamentar, “em caso de terremoto político,  o PSB lançaria candidato a governador do Estado”.

A declaração veio depois que a Imprensa provocou o assunto da ida repentina de Eliziane Gama a Teresina, onde o presidente nacional do PSB e presidenciável, Eduardo Campos, recebeu título de cidadão piauiense. A deputada, que teria sido “convidada” pelo presidente do PSB maranhense, Luciano Leitoa, posou para fotos com o governador de Pernambuco e disse que chegou a tratar com ele das eleições do ano que vem.

Marcelo Tavares, porém, acredita que o apoio a Flávio Dino já está acertado, mas reconhece que em política tudo é possível, inclusive, a substituição do pré-candidato sarneysista, Luís Fernando Silva, que, para o parlamentar, está mais para “boi de piranha” do que para candidato mesmo.

Disse Marcelo que, em caso de aliança com o PPS, o PSB tem maior densidade eleitoral para ser o “cabeça de chapa”, porque tem quadros  relevantes como o ex-governador José Reinaldo Tavares e o vice-prefeito de São Luís, Roberto Rocha, para uma eventual candidatura ao governo do Maranhão.

“Se isso ocorresse (aliança entre PSB e PPS), a cabeça de chapa seria nossa. Nosso partido não é vagão. Nesse caso, tem que ser locomotiva. Se Eliziene quisesse compor nessas condições, seria bem-vinda”, satirizou Marcelo Tavares.

Postagens relacionadas

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.