Presidente diz que vai atuar para evitar novas tragédias

O presidente também participou, na manhã de hoje, de uma reunião de trabalho com o governador de Minas Gerais, Romeu Zema (Novo)

Após sobrevoar a região atingida pelos rejeitos de uma barragem da mineradora Vale que se rompeu em Brumadinho (MG), o presidente Jair Bolsonaro disse que vai trabalhar para atender às vítimas, cobrar pelos danos causados e evitar novas tragédias.

“Faremos o que estiver ao nosso alcance para atender as vítimas, minimizar danos, apurar os fatos, cobrar justiça e prevenir novas tragédias como a de Mariana e Brumadinho”, escreveu o presidente no Twitter. “Para o bem dos brasileiros e do meio ambiente.”

Bolsonaro voltou para Brasília depois do sobrevoo. “Difícil ficar diante de todo esse cenário e não se emocionar”, afirmou.

O presidente também participou, na manhã de hoje, de uma reunião de trabalho com o governador de Minas Gerais, Romeu Zema (Novo), a procuradora-geral da República, Raquel Dodge, ministros e representantes da Vale. No encontro foram debatidas medidas de ajuda às vítimas do rompimento da barragem da Mina do Feijão.

3 thoughts on “Presidente diz que vai atuar para evitar novas tragédias

  1. O mais irónico é hipócrita desse monstro é que ele acabou com o ministério do meio ambiente, entregou a Funai e a secretaria ambiental para o ministério da agricultura, ou seja, para os ruralistas, também deu uma declaração que as empresas responsáveis por tragédias como essa não devem pagar multas, pois as mesmas ficam prejudicadas. Um ignorante que fez um discurso de 3 minutos num dos encontros de líderes mais importantes do mu. Do, fingindo trabalhar.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *