“Não temos o direito de perder novamente para Bolsonaro”, declara Flávio Dino

Em suas redes sociais, o governador Flávio Dino (PCdoB) se posicionou sobre a possível pré-candidatura do advogado Fernando Haddad (PT) à presidência da República em 2022, caso o líder Lula da Silva seja novamente impedido de concorrer. A notícia movimentou os bastidores da política após uma entrevista do ex-presidente, na qual ele destacou a conversa tida com o petista e a possibilidade de retomar as viagens pelo Brasil.

Para Dino, a questão que deve ser priorizada no atual momento político que vive o país é o empenho dos grupos políticos em derrotar o presidente Bolsonaro.

“Indiscutível o direito de qualquer partido lançar candidato a presidente da República. Questões são outras: qual o programa e quais as alianças para derrotar Bolsonaro? Pois se há uma coisa que não temos ‘direito’ é de perder novamente para ele e prolongar tantas tragédias”, divulgou Dino.