DataIlha/Difusora confirma: Flávio Dino tem 30 pontos de vantagem sobre Roseana Sarney

Governador Flávio Dino está com larga diferença também em pesquisa contratada pela TV Difusora

O atual governador Flávio Dino mantém vantagem sobre a quatro vezes ex-governadora Roseana Sarney (PMDB) também na pesquisa DataIlha/Difusora divulgada nesta segunda-feira (16/out). Em novo levantamento, ele tem 30 pontos de vantagem sobre Roseana. 62% contra 28% dos votos válidos.

As intenções de voto em Dino refletem a aprovação de sua gestão. Mais de 61% dos entrevistados dizem aprovar a atuação de seu governo.

Os números confirmam levantamento recente da pesquisa Exata/JP, que também aponta vitória de Flávio Dino no primeiro turno. Em levantamento feito no início do mês, o outro instituto aferiu Flávio Dino com 60% das intenções de voto contra 28% de Roseana. Segundo a pesquisa Exata, 61% dos maranhenses aprovam a gestão Dino, enquanto 36% desaprovam. Outros 3% não sabem ou não responderam.

A pesquisa DataIlha/Difusora foi colhida entre os dias 9 e 11 de outubro ouvindo 2.128 maranhenses em 38 municípios.

A pesquisa também ouviu a intenção de voto dos maranhenses para os candidatos a presidente. Lula tem 66% das intenções de voto contra 14% do segundo colocado, Jair Bolsonaro. Marina Silva tem 7 pontos, Dória 2% e Alckmin 1%.

Para desespero do grupo Sarney, Dino inaugura Hospital de Ortopedia em São Luís…

Governador Flávio Dino entregou o novo Hospital de Traumatologia e Ortopedia, em São Luís. Foto: Handson Chagas/Secap

O grupo Sarney vai ter que engolir mais essa. Nesta terça-feira (19), o governador do Maranhão, Flávio Dino (PCdoB), entregou, em São Luís, o Hospital de Traumatologia e Ortopedia (HTO), uma unidade inédita no Estado capaz de atender casos de alta complexidade. “Não importa quem foi poderoso ontem ou se esse alguém se acha dono da riqueza e do poder. Aqui não temos medo”, alfinetou o governador, falando, diretamente, aos opositores que empobreceram o Estado por mais de cinco décadas.

Com o novo prédio, a rede pública estadual, na capital, passa das atuais 80 cirurgias por mês para 400. Ou seja, a capacidade é multiplicada por cinco, o que vai desafogar a fila por cirurgias. Em 2014, eram apenas 30 por mês.

O novo hospital fica no Jardim Eldorado e vai atender pacientes tanto da Grande Ilha como de outros municípios. Flávio Dino lembrou que a inauguração do hospital representa um marco para a Saúde maranhense. E que foi preciso vencer resistências para que o HTO fosse entregue à população.

“Não perdemos nunca a alegria de fazer o bem. Esse é o milagre desse governo, o milagre da multiplicação das oportunidades, da luta obstinada pela igualdade, de não ter medo de nada e nem de ninguém”, disse o governador durante a entrega do hospital.

“Lutando as coisas têm outro sabor”


“Temos que lutar sempre, e lutando as coisas têm outro sabor”, afirmou Flávio Dino durante a inauguração. Ao afirmar que já foram concluídas mais de 500 obras desde 2015, Flávio Dino acrescentou que “poucas inaugurações o emocionaram tanto quanto esta, porque é fruto de luta”.

O HTO tem capacidade para 4,8 mil cirurgias por ano, mas “a fila vai ganhando novos componentes a cada dia”, principalmente por causa dos acidentes de moto, frisou o secretário.

De acordo com o diretor clínico do HTO, Newton Gripp, a unidade está pronta e completamente equipada para atender todos os casos complexos: “Temos 100% de capacidade aqui. Ninguém mais precisa sair do Maranhão para tratar qualquer doença ortopédica”.

O médico Damião Guedes, especialista em reconstrução e alongamento ósseo, diz que o HTO também vai formar e qualificar profissionais. “É uma unidade de referência para pacientes e profissionais. Aqui ficou como uma ilha de excelência, quem está dentro está festejando e quem está fora está querendo entrar”, diz.

Flávio Dino ressaltou que os mais de 300 profissionais do novo hospital são os verdadeiros responsáveis pela importância da unidade. “Mãos e coração: disso é feito um bom hospital. E eu tenho certeza que o HTO será um excelente hospital porque está nas excelentes mãos desses profissionais.”

Três novos secretários tomam posse no governo…

Os gestores se integram à equipe com a missão de dar continuidade aos programas de governo, fortalecendo as ações estratégicas e políticas públicas

O governador do Maranhão, Flávio Dino (PCdoB), empossou três novos secretários de Estado, em solenidade no Palácio dos Leões, na manhã desta terça, 10. Lawrence Melo Pereira é um dos nomes que agora se somam à equipe de governo, delegado que assume a presidência da Agência Estadual de Mobilidade Urbana e Serviços Públicos (MOB). Com a mudança, o atual, José Artur Cabral Marques, vai comandar a presidência da Companhia Maranhense de Gás (Gasmar). Ainda, na Secretaria de Estado da Mulher (Semu), assume a ex-deputada federal Terezinha Fernandes, em substituição a Laurinda Pinto.

Os gestores se integram à equipe com a missão de dar continuidade aos programas de governo, fortalecendo as ações estratégicas e políticas públicas, pontuou o governador Flávio Dino.  “Agradecemos aos antigos secretários pela colaboração e parabenizamos os que vêm somar à equipe. Com estas mudanças estamos ampliando o nosso governo e renovando as forças para que a gestão permaneça cumprindo seu papel”, reiterou.

“É uma honra esse convite e um grande desafio por suceder um técnico competente e que muito realizou à frente desta pasta. Reafirmamos o compromisso com as demandas, vamos atuar com um olhar mais voltado para o social, dando continuidade ao exitoso trabalho desempenhado pela gestão anterior e ampliando as ações da pasta”, enfatizou Lawrence Pereira, que passa a presidir a MOB.

Um grande desafio cumprido para estruturar a MOB, que em três anos resultou em um órgão de orçamento de mais de R$ 100 milhões ao ano com captação de vários recursos federais; diversos projetos de mobilidade urbana e transporte; e ações na regulação de gás e saneamento, pontuou Artur Cabral, durante sua fala, fazendo breve resumo de sua atuação à frente da MOB.

“Estou orgulhoso do trabalho realizado e fico lisonjeado com este convite do governador. Agradeço ao governador por esta nova missão que foi confiada a mim, na Gasmar”, reiterou Cabral. A nova titular da Semu, Terezinha Fernandes, iniciou sua fala elogiando a antiga gestora. “É uma mulher igual a mim, sonhadora e guerreira, que promoveu um relevante projeto à frente desta secretaria. É uma tarefa desafiadora, mas estimulante. Vamos somar à equipe do governador e trabalhar para inserir ainda mais a mulher, promovendo mais políticas de igualdade”, enfatizou.

O potencial de gestão dos novos secretários foi pontuado pelo governador, que reforçou o empenho dos antigos titulares das pastas e destacou ser este um processo em curso desde o início de sua gestão, com fins ao aprimoramento e qualificação das ações do Governo. O governador assinou o Termo de Posse, seguido dos secretários empossados.

A cerimônia contou com presença do vice-governador Carlos Brandão; do secretário de Estado de Comunicação e Articulação Política (Secap), Márcio Jerry; ex-titular da Semu, Laurinda Pinto e demais secretários de Estado; do presidente do PT, Augusto Lobato e vereador petista Honorato Fernandes; e da ex-diretora presidente da Gasmar, Telma Thomé.

Flávio Dino: Roberto Rocha favorece o atraso do Maranhão…

Flávio Dino disse ainda que, nesse momento, Roberto Rocha, ao atacar o governo, de modo injusto, acaba fortalecendo o atraso do  Estado e ajudando aqueles que não querem o bem do Maranhão

O governador do Maranhão, Flávio Dino (PCdoB), não poupou críticas ao senador Roberto Rocha (PSDB) e nem à ex-governadora Roseana Sarney (PMDB), durante entrevista à rádio São Luís, na manhã desta segunda-feira (09). Para ele, os dois representam o atraso e disse ainda esperar que o agora novo tucano retome “o caminho correto”.

Flávio Dino disse ainda que, nesse momento, Roberto Rocha, ao atacar o governo, de modo injusto, acaba fortalecendo o atraso do  Estado e ajudando aqueles que não querem o bem do Maranhão.

“Eu lamento muito que tenha tido esse problema do senador Roberto Rocha. Eu espero que ele reflita melhor sobre a história recente do Maranhão e quem sabe consiga retomar o caminho correto”, afirmou Dino.

Sobre Roseana Sarney, segundo o governador, a mesma representa a síntese do atraso. Flávio Dino disse que a ex-governadora é a responsável maior por tantos problemas econômicos sociais porque ela representa um sistema de poder.

“Quando se fala dela, nós temos que lembrar que Roseana Sarney Murad é exatamente os Sarneys, os Murads. Essas poucas famílias que dominaram o nosso Estado, politicamente, concentraram riquezas nas mãos que fizeram com que o Maranhão nunca tivesse progredido tanto como poderia. Outros estados passaram na nossa frente, como Ceará e Pernambuco, porque exatamente havia um modelo político errado, sintetizado nessas poucas famílias que, simplesmente, achavam que eram donas do Estado”, disse.

Flávio Dino faz mudanças em secretariado…

Governador Flávio Dino

O governador do Maranhão, Flávio Dino (PCdoB), anunciou mudanças na equipe de governo, no final da tarde desta quinta-feira (05).

Com as alterações, o delegado Lawrence Melo Pereira passa a ser presidente da Agência Estadual de Mobilidade Urbana e Serviços Públicos (MOB) e o atual presidente, José Artur Cabral Marques, assume a presidência da Companhia Maranhense de Gás (Gasmar).

Na Secretaria de Estado da Mulher, a ex-deputada federal Terezinha Fernandes assume o cargo, em substituição a Laurinda Pinto.

Pesquisa Exata: Flávio Dino tem vantagem de 32% em relação a Roseana na disputa pelo governo

Do Jornal Pequeno

Governador Flávio Dino

De acordo com uma pesquisa feita pelo Instituto Exata, O governador Flávio Dino tem uma vantagem de 32 pontos percentuais em relação à Roseana Sarney,  que pretende se  candidatar a governadora. em 2018. A pesquisa foi divulgada pelo Jornal Pequeno nas primeiras horas desta quarta (4).

Segundo o levantamento feito com  1.420 eleitores, entre os dias 30 de setembro e 3 de outubro, 60% dos maranhenses optaram pela reeleição de Flávio Dino, apenas 28% votariam na ex-governadora Roseana, 7% votariam no senador Roberto Rocha e 5% na ex-prefeita de Lago da Pedra, Maura Jorge (Pode), considerando os votos válidos, conforme feito na apuração eleitoral. Confira o quadro abaixo:

De acordo com o levantamento, 61% dos maranhenses aprovam a gestão Flávio Dino, 36% desaprovam e 3% não sabem ou não responderam.

A margem de erro do estudo é de  3,2 pontos percentuais e o levantamento tem 95% de confiabilidade.

“O Maranhão hoje tem muitas diferenças do Maranhão do passado”, dispara Othelino ao falar dos mil dias de Flávio Dino

Deputado Othelino Neto

A quantidade de obras e ações apresentadas pelo governo Flávio Dino no balanços dos seus mil dias de gestão rendeu uma grande quantidade de elogios dos deputados durante a sessão de hoje na Assembleia Legislativa. Um dos que se manifestou foi o vice-presidente da Casa, Othelino Neto, que aproveitou para ressaltar as mudanças ocorridas no Maranhão de hoje e no que era dominado pelas amarras da oligarquia Sarney.

“O Maranhão, hoje, das muitas diferenças que têm do Maranhão do passado é que o Maranhão, hoje, chama a atenção do Brasil pelo lado positivo. É raro ver no Brasil, hoje, nesse momento de crise financeira e política, um estado como o Maranhão, estado pobre, que foi sucateado durante algumas dezenas de anos por um grupo que até há pouco mandava no estado, e que hoje tem um volume de investimentos que impressiona todo o Brasil”, ressaltou o deputado.

Para Othelino, esses mil dias do governo Flávio Dino, a não ser para aqueles que têm saudade dos tempos que vivam às custas do erário, impressiona a todos pela quantidade grande de investimento, pelo foco no público que mais precisa, que são os mais carentes. “Um governo que tem um foco objetivo naqueles que mais precisam da ação do Estado, pela forma transparente de administrar o Maranhão e por ter hoje destaque nacional em razão do seu governo, da gestão e de suas posições políticas muito claras”, reiterou.

Segundo o parlamentar, hoje, em qualquer roda no Brasil que se fale sobre os estados, tem chamado atenção e tem destaque o Governo do Maranhão que serve já de referência para muitos governadores. “Então para nós que ajudamos a construir este Governo é razão de muito orgulho compor a Bancada do governador Flávio Dino e fazer parte deste momento da construção de um Maranhão para todos nós. Com relação ao passado, basta comparar”, completou.

“Foram quase 50 anos de atraso”, diz Flávio Dino ao entregar novo Hospital de Balsas

Hospital de Balsas foi entregue pelo governador Flávio Dino

A cidade de Balsas recebeu, nesta quarta-feira (20), duas grandes obras do governo do Estado muito aguardadas pela população: o novo Hospital Regional da cidade e 25 ruas pavimentadas pelo programa Mais Asfalto. Além disso, foi assinada a ordem para a construção de um Instituto de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão (Iema) no município.

O hospital entregue pelo governador Flávio Dino tem 50 leitos e vai atender uma região com 246 mil habitantes. A inauguração encerra uma espera de décadas dos moradores, que muitas vezes tinham que ir até Imperatriz para receber atendimento mais complexo.

“Há três anos, eu tive que levar minha mãe com urgência para Imperatriz, arriscando não chegar viva. Se já tivesse um hospital assim, não teria precisado. Vai salvar muitas vidas”, diz a moradora Maria de Abreu.

Acompanhado de secretários de Estado, deputados, lideranças políticas e comunitárias, o governador Flávio Dino afirmou estar “muito feliz por concretizar um objetivo de décadas” no Maranhão. “Foram quase 50 anos de atraso. Infelizmente, muitos governos prometeram e não fizeram. E nós priorizamos a conclusão dessa obra”, disse Flávio.

Apoio permanente

O governador ressaltou que, além da construção, o Governo do Estado vai bancar o custeio da unidade: “O mais difícil é manter o serviço funcionando. Essa deve ser a razão pela qual vários governos passados se comprometeram e não fizeram”.

Flávio Dino ressaltou que o hospital não substitui, e sim complementa o trabalho dos municípios na Saúde, uma vez que a unidade é destinada a casos mais graves. É por isso que o novo hospital tem uma UTI com equipamentos de última geração.

De acordo com o secretário de Estado da Saúde, Carlos Lula, havia até agora “um vazio assistencial imenso na região”. Ele lembrou que a distância até Imperatriz é de 400 quilômetros: “Muitas vidas se perderam nessa estrada. E o que a gente traz hoje é a solução desse problema. Estamos trazendo um modelo assistencial que não existia na região. Damos um passo adiante em Balsas e nos 14 municípios da região”, acrescentou o secretário.

Flávio Dino: Grupo Sarney tenta ocultar processos contra ex-senador sobre organização criminosa

O governador do Maranhão, Flávio Dino (PCdoB), ironizou, pelas redes sociais, o grupo Sarney por conta  de matéria, dando conta das “precárias condições sociais” do Estado. Para ele, a “descoberta” fantástica visa tentar ocultar os processos que o ex-senador Sarney responde por participação em organizações criminosas.

“Depois de 50 anos, a mídia do império Sarney descobriu que as condições sociais do Maranhão eram precárias. Mas claro que a culpa é minha…”, ironizou Flávio Dino.

Flávio Dino questionou por que, em vez de agredi-lo tanto,  a mídia do império Sarney não se ocupa de demonstrar que o ex-senador não participa de quadrilhas.