Waldir Maranhão cola em Roberto Rocha e Geraldo Alckmin para garantir vaga ao Senado

Para se mostrar fiel ao projeto nacional do PSDB, Waldir também colou em Geraldo Alckmin. E sempre se faz presente nos eventos da executiva nacional e nas passagens de Alckmin pelo Maranhão

O deputado federal Waldir Maranhão (PSDB), esteve com o pré-candidato à Presidência, Geraldo Alckmin, em sua passagem pela cidade de Imperatriz.

Já totalmente alinhado ao projeto do pré-candidato ao Governo do Maranhão, o senador Roberto Rocha, Waldir garantiu todas as chances de ter seu nome escolhido para a segunda vaga na chapa tucana.

Leia mais: Roberto Rocha manda recado para José Reinaldo

Para se mostrar fiel ao projeto nacional do PSDB, Waldir também colou em Geraldo Alckmin. E sempre se faz presente nos eventos da executiva nacional e nas passagens de Alckmin pelo Maranhão.

Observando a briga interna entre o deputado federal José Reinaldo (PSDB) e a ala de Roberto Rocha e do ex-prefeito Sebastião Madeira, Waldir mostrou-se um articulador e vem viabilizando sua pré-candidatura desde então, podendo deixar José Reinaldo fora da chapa majoritária tucana.

 

Leia mais: Geraldo Alckmin no centro da confusão do PSDB maranhense

Sampaio Corrêa conquista título inédito da Copa do Nordeste

Com a conquistas, o time do técnico Roberto Fonseca faz história como o primeiro do Maranhão a levantar a taça mais importante da região e ainda garante uma vaga nas oitavas de final da Copa do Brasil de 2019

O Sampaio Corrêa é o campeão da Copa do Nordeste de 2018, um título inédito para a “Bolívia Querida”. De forma heroica, assim como foi toda a campanha até a final, o clube maranhense segurou o empate por 0 a 0 contra o Bahia, na Arena Fonte Nova, e calou mais de 45 mil torcedores em Salvador. Com a conquistas, o time do técnico Roberto Fonseca faz história como o primeiro do Maranhão a levantar a taça mais importante da região e ainda garante uma vaga nas oitavas de final da Copa do Brasil de 2019.

Depois de eliminar o Vitória nas quartas de final e o ABC na semifinal, com jogos duríssimos fora de casa, o Sampaio Corrêa já tinha dado indícios que não tem medo de jogar pressionado contra estádios lotados. Em Salvador, o time maranhense resistiu à pressão, soube sofrer e, mesmo sem ficar com a bola, deu pouquíssimas chances para o adversário. O goleiro Andrey quase nem foi acionado durante o jogo e saiu praticamente sem suar o uniforme.

Leia mais: Após eliminação, Neymar diz que vive momento mais triste da carreira

Com o título, o clube leva para casa R$ 3,375 milhões de premiação, sendo R$ 1,5 milhão só da final – o Bahia já tinha R$ 2 milhões da campanha, somada aos R$ 600 mil do vice. Com a vaga nas oitavas da Copa do Brasil, o Sampaio Corrêa também já pode contar com R$ 2,5 milhões da principal competição do país em 2019.

Como já é tradição em Salvador, a torcida do Bahia não decepcionou na recepção aos jogadores. As ruas em torno da Arena Fonte Nova foram tomadas pelos torcedores, que acompanharam o ônibus até a porta do estádio, apoiando o elenco que entraria em campo.

Leia mais: Atenção! Cota única do IPTU 2018 com 15% de desconto deve ser paga até 13 de julho

Mas, com a bola rolando, o jogo começou nervoso. No primeiro lance, Gregore entrou firme em Uilliam e já recebeu o primeiro cartão amarelo. Depois, em cobrança de falta, Fernando Sobral pegou com força na bola e exigiu uma linda defesa de Anderson para evitar o gol do Sampaio Corrêa logo aos dois minutos. Aos poucos, o Bahia passou a controlar a partida, mas sem conseguir ameaçar o adversário.

O segundo tempo não mudou o desenho tático. O Bahia tinha muita dificuldade para criar oportunidades claras de furar o ferrolho maranhense, mas, nas poucas vezes em que parecia que iria assustar Andrey, pecava na finalização ou então no último passe. Sentindo que precisava de mais velocidade ofensiva, o técnico Enderson Moreira mandou Vinícius para campo no lugar do lateral-direito Flávio.

No finalzinho o jogo esquentou. Aos 44 minutos, Uilliam fez uma falta na lateral do gramado e recebeu o segundo cartão amarelo – o primeiro saiu ainda no início da partida, por reclamação com o assistente. Sem o atacante como referência, o Sampaio Corrêa passou a ser só retranca. Com seis minutos de acréscimos, o Bahia aplicou a pressão que queria. No último lance, aos 50, Brumado aproveitado um bate e rebate e, na linha de pequena área, bateu em cima de Andrey.

Com o apito final do árbitro, a torcida do Bahia passou a vaiar o time, em sinal de protesto ao time que não conseguiu criar grandes oportunidades de mudar a história do jogo. O clube baiano agora volta as suas atenções ao Campeonato Brasileiro, onde ainda está na zona de rebaixamento, com apenas 12 pontos em 12 jogos. Já o Sampaio Corrêa tem poucos dias para comemorar, já que briga contra a zona de rebaixamento da Série B, com 15 pontos.

Geraldo Alckmin tem passagem apagada por Imperatriz

Geraldo Alckmin segue na sua luta para conquistar o voto dos brasileiros. Em quinto lugar nas pesquisas eleitorais, ele está desacreditado até mesmo por seus colegas de partido

O ex-governador de São Paulo e pré-candidato à Presidência da República, Geraldo Alckmin (PSDB), esteve na cidade de Imperatriz, na última sexta-feira (06), para um evento de sua pré-campanha.

Bem longe da população mais carente, Geraldo Alckmin, acompanhado do pré-candidato ao Governo do Maranhão, o senador Roberto Rocha, reuniram-se com a classe empresarial de Imperatriz.

Leia mais: Eleições 2018: DEM se divide entre apoiar Alckmin ou Ciro Gomes

Talvez, por coincidir com o jogo da seleção brasileira na Copa do Mundo contra a seleção da Bélgica, o evento foi pouco prestigiado, fazendo com que a passagem de Geraldo Alckmin pelo Maranhão não fosse notada.

Geraldo Alckmin segue na sua luta para conquistar o voto dos brasileiros. Em quinto lugar nas pesquisas eleitorais, ele está desacreditado até mesmo por seus colegas de partido.

 

Leia mais: Pastor Bell é destituído do PSDC

Leia mais: Roseana inicia segunda etapa de sua caravana com pouco apoio político

Após eliminação, Neymar diz que vive momento mais triste da carreira

No início da manhã, os jogadores da Seleção Brasileira deixaram o hotel onde estavam hospedados em Kazan. Foto: Henry Romero/Reuters/Agência Brasil

O atacante da seleção brasileira Neymar disse hoje (7) que está vivendo o momento mais triste da sua carreira. Em uma mensagem publicada há pouco no Instagram, o brasileiro se manifestou pela primeira vez após a derrota e eliminação ontem (6) por 2 a 1 para Bélgica, nas quartas de final da Copa do Mundo.

Ao final da partida, Neymar não quis dar declarações aos jornalistas que acompanharam a saída da seleção do estádio, em Kazan, na Rússia.

Leia mais: Brasil perde por 2 a 1 da Bélgica e está eliminado da Copa

“Posso dizer que é o momento mais triste da minha carreira, a dor é muito grande porque sabíamos que poderíamos chegar, sabíamos que tínhamos condições de irmos mais além, de fazer história, mas não foi desta vez”, disse.

No início da manhã, os jogadores da Seleção Brasileira deixaram o hotel onde estavam hospedados em Kazan. Os atletas e a comissão técnica seguiram para o aeroporto da cidade, onde pegaram o voo em direção ao Rio de Janeiro, com escala em Madrid. Alguns jogadores ficarão na capital espanhola e não devem voltar ao Brasil. O restante da delegação deve desembarcar na manhã deste domingo no aeroporto do Galeão.