“Queriam que fizéssemos reforma de um prédio antes de alugar?”, reage Flávio Dino sobre HTO

O governador do Maranhão, Flávio Dino (PCdoB), reagiu com indignação às acusações que lhe faz o conglomerado de comunicação da família Sarney sobre a instalação do Hospital de Traumatologia e Ortopedia (HTO), que o governo do Maranhão prepara em um prédio alugado, na bairro Jardim Eldorado, em São Luís. Eles contestam o fato de a Secretaria de Saúde ter locado o imóvel antes de iniciar a reforma. Ora bolas…

“Queriam que fizéssemos reforma de um prédio sem antes alugar? Realmente, espantoso. Quero que alguém me explique como podemos obrigar um particular a fazer uma reforma ou como podemos reformar um prédio sem antes alugar”, reagiu Flávio Dino.

Para o governador, na verdade, a TV de Sarney é contra a existência de um Hospital de Ortopedia, pois o grupo ficou décadas no poder e não o fez. O governador disse que prefere ser agredido, injustamente, pelo grupo Mirante/Globo do que deixar a população sem o Hospital de Ortopedia.

“Hospital de Ortopedia está sendo totalmente reformado para atender bem a população. Claro que isso incomoda quem é contra serviços públicos. Apesar desses absurdos ataques, vamos continuar a investir e ampliar serviços públicos. Mesmo que a ideologia dominante só queira cortes. Ele funcionará em breve. Garanto”, frisou Dino.

Segundo Flávio Dino, alugar e reformar é muito mais barato e rápido do que construir novo prédio. “Isso é simples e fácil de entender. Basta ter boa fé. Para quem não sabe, a Globo no Maranhão é de Sarney, que produz essas matérias isentas sobre nosso governo”, afirmou.