LARANJADA? Serviços gerais é dono de empresa contratada por Prefeitura de Mata Roma

Prefeita Carmem Silva com Paulo Neto

Prefeita Carmem Silva com Paulo Neto

mata roma mata roma 2

O proprietário da empresa Master Construções, que tem contrato com a Prefeitura de Mata Roma, Josenildo Garreto, é lotado como serviços gerais na administração municipal com vencimento de um salário mínimo por mês (veja documentos). Fato curioso já que há um mês uma equipe do Fantástico, da rede Globo, rondava o município, investigando caso de suposto esquema de “laranjas”.

É  curioso o fato de Josenildo trabalhar como um simples serviços gerais e manter contratos generosos com a Prefeitura de Mata Roma, um deles para a ampliação de Unidade Básica de Saúde. A denúncia foi encaminhada ao blog pela vereadora Fernanda Maria Oliveira (PSL).

De acordo com a Lei 8.112/90 é proibido ao servidor público “participar de gerência ou administração de sociedade privada, personificada ou não personificada, [ou] exercer o comércio, exceto na qualidade de acionista, cotista ou comanditário”.

Mata Roma tem como prefeita Carmem Silva Lira, mulher do candidato a deputado estadual, Paulo Neto, que já teve mandato na Assembleia Legislativa.

mata roma 3

Esquema de laranjas 

No dia 20 de julho, o Fantástico da Rede Globo exibiu matéria dando conta de um suposto “esquema de laranjas” no Maranhão e repercutiu notícia sobre o crime cometido contra os repórteres Eduardo Faustini e Luiz Cláudio Azevedo, que investigavam as denúncias de desvio de dinheiro público nas cidades de Anapurus e Mata Roma, e foram assaltados e ameaçados enquanto trabalhavam.

A denúncia sobre um suposto esquema de laranjas que movimenta R$ 30 milhões, dinheiro público, em cidades pobres do interior do Maranhão, foi o que levou os jornalistas da TV Globo a serem ameaçados e assaltados.

São contratos municipais nas mãos de empresas suspeitas, muitas delas não têm sede, e nem capacidade de prestar o serviço. Mais uma vez, quem paga a conta é o cidadão comum. E o sofrimento começa na mais básica das necessidades.

Ipam divulga postos de atendimento para o Censo Previdenciário

  Um dos postos de atendimento funcionará na sede do Ipam, na Rua do Sol

Um dos postos de atendimento funcionará na sede do Ipam, na Rua do Sol

A Prefeitura de São Luís, por meio do Instituto de Previdência e Assistência do Município (Ipam), definiu os postos de atendimento para a realização do I Censo Previdenciário que será iniciado na próxima segunda-feira (25). Os pontos serão utilizados para fazer o cadastramento dos 5.858 aposentados e pensionistas. Os beneficiários terão um prazo de 30 dias para realizar o procedimento.

O presidente do Ipam, Raimundo Penha, informou que a ação vai proporcionar melhoria dos serviços prestados atendendo à política de valorização do servidor estabelecida pelo prefeito Edivaldo. “A partir do Censo, poderemos direcionar ações voltadas para o perfil de cada aposentado e pensionista. Com isso, teremos um diagnóstico detalhado dos nossos beneficiários”, explicou.

Os postos funcionarão das 8h às 18h no Ipam, no Centro de Atenção Integral à Saúde do Idoso (Caisi) e no Centro de Referência da Assistência Social (Cras) da Forquilha. O atendimento também será realizado na Secretaria de Administração (Semad) das 8h às 13h de segunda a quinta-feira e no Centro Dia, na Cidade Operária, das 8h às 13h durante a semana. Através de parceria com o município, foi disponibilizado um posto no Shopping São Luís no horário das 10h às 20h.

De acordo com o presidente do Ipam, a decisão de disponibilizar seis postos de atendimento na cidade facilitará o acesso dos beneficiários aos recenseadores. O beneficiário também poderá se cadastrar por meio do site http://ipam.primesaude.com.br/. Quem responder ao questionário pela página na internet ainda precisará apresentar os documentos nos pontos instalados em São Luís.

Raimundo Penha esclareceu que o Censo não pode ser confundido com um simples cadastramento, pois se trata de um levantamento mais completo que vai permitir conhecer, individualmente, o aposentado e o pensionista. Além de traçar o perfil individual de saúde dos usuários, o levantamento delineará as projeções necessárias ao Plano Atuarial.

Para tirar dúvidas e fornecer mais informações aos aposentados e pensionistas da Prefeitura de São Luís sobre como realizar o procedimento, o Ipam disponibilizou uma Central de Atendimento (Call Center) pelo telefone (98) 4003-1524. O serviço funciona de segunda a sexta-feira, no horário das 8h às 20h.

POSTOS DE ATENDIMENTO

PERÍODO LOCAL HORÁRIO ENDEREÇO
25 de agosto a 25 de setembro Ipam Das 8h às 18h Rua do Sol, nº 265 – Centro(Próximo ao Teatro Arthur Azevedo)
25 de agosto a 25 de setembro Centro de Atenção Integral à Saúde do Idoso (Caisi) Das 8h às 18h Rua Salvador Oliveira, nº 12 – Felipinho(Próximo ao Sítio Leal)
25 de agosto a 25 de setembro Semad Das 8h às 12h de segunda a quinta-feira Travessa Marcelino de Almeida, nº 30 – Praia Grande Centro(Próximo ao Terminal da Integração)
25 de agosto a 25 de setembro São Luís Shopping Das 10h às 20h Avenida Daniel de La Touche, s/n – Maranhão Novo(Próximo à saída da Via Expressa)
25 de agosto a 25 de setembro Centro Dia Das 8h às 13h Avenida Divina Providencia, nº 100, Cidade Operária
25 de agosto a 25 de setembro Cras Forquilha Das 8h às 18h Rua 1.800, quadra 20, nº 09, Parque Aurora(Próximo ao Banco do Brasil do Cohatrac)

 

Bira do Pindaré sofre acidente na estrada de Turiaçu

Carro de Bira do Pindaré sofreu acidente na MA-209

Carro de Bira do Pindaré sofreu acidente na MA-209

Depois dos deputados Rubens Júnior (PCdoB) e Eliziane Gama (PPS), Bira do Pindaré (PSB) também sofreu acidente de carro, no início da tarde desta quinta-feira (21), na MA-209, em Turiaçu, enquanto viajava com assessores para cumprir agenda de campanha na região.

Em contato com a assessoria do parlamentar, o blog foi informado que não houve nada com Bira do Pindaré e os passageiros da Hilux que conduzia o parlamentar e sua equipe. Todos passam bem.

Na madrugada desta quinta-feira (21), um assessor do deputado Antonio Pereira (DEM), que estava trabalhando na campanha, também sofreu acidente. No entanto, infelizmente, este foi fatal, vitimando o condutor que faleceu na hora.

Toda atenção é pouca para viajar nas estradas do Maranhão. Todos devemos redobrar os cuidados!

Deputado cobra operadoras de telefonia e diz que serviços pioram a cada dia no Maranhão

Operadoras de telefonia prestam serviços, cada vez mais, precários

Operadoras de telefonia prestam serviços, cada vez mais, precários e irritam usuários

O deputado estadual Othelino Neto (PCdoB) cobrou, na tribuna, as operadoras de telefonia, que atuam no Maranhão, por não terem cumprido compromissos de melhorar a prestação de serviços no Estado. “Esse é um problema corrente e que incomoda a todos nós, independente de lado político, de sermos parlamentares ou não, que preocupa todos os cidadãos e cidadãs. A cada dia que passa, a situação fica pior”, afirmou.

Othelino, que participou da CPI da Telefonia conduzida pelo deputado Zé Carlos (PT), disse que foi testemunha do compromisso que as empresas de telefonia assumiram e assinaram, na Assembleia Legislativa, na presença dos integrantes da Comissão, do presidente Arnaldo Melo (PMDB) e de outros colegas deputados, e que ficou estarrecido com o fato das companhias não terem feito nada do que se comprometerem.

“As operadoras não honram os compromissos, nem com a CPI, nem com os consumidores e ainda continuam prestando um péssimo serviço. Quem de nós aqui não ficou por várias vezes, nos últimos dias, desligado ou sem conseguir fazer uma ligação, enfim, com o telefone que não presta para absolutamente nada? Por quê? Falta de respeito com o consumidor”, comentou Othelino.

Segundo o deputado do PCdoB, a situação piora, ainda mais, no interior do Maranhão, onde a cobertura das operadoras é péssima, principalmente, em relação à internet 3G que, em alguns lugares, já é 4G, e funciona muito mal no interior do Estado. “Se sair de São Luís, o sinal fica precário. Até quando vai o desrespeito com os consumidores do Maranhão? Em estados próximos, bem ali em Teresina, no Piauí, o serviço também não é bom, mas não é tão ruim quanto aqui”, comentou.

O deputado disse que essa indignação com a precariedade dos serviços está em todos os cidadãos e cidadãs maranhenses que sofrem com essa péssima cobertura das empresas de telefonia. “Infelizmente, é necessário fazer, mais uma vez, esse lamento pelo desrespeito permanente de todas as operadoras para com os consumidores do Maranhão”, finalizou.