Construção de ponte entre o Maranhão e Tocantins vai criar nova rota do ecoturismo em Carolina

A nova ponte será construída sobre o Rio Tocantins, com o propósito de contribuir com o desenvolvimento local e incrementar o turismo

Um sonho antigo para tocantinenses e maranhenses vai se tornar realidade: a construção de uma ponte ligando os municípios de Filadélfia (TO) e Carolina (MA). A ponte que interligará as rodovias TO-222 e MA-230 é fruto de um protocolo de intenções assinado pelos governadores do Maranhão, Flávio Dino, e do Tocantins, Mauro Carlesse, durante o 19º Fórum de Governadores da Amazônia Legal, realizado nos últimos dias 27 e 28 de novembro, no Palácio dos Leões, em São Luís.

A nova ponte será construída sobre o Rio Tocantins, com o propósito de contribuir com o desenvolvimento local e incrementar o turismo, já que os dois municípios são reconhecidos pelos seus atrativos naturais.

Enquanto o interior de Filadélfia – especificamente o distrito de Bielândia – abriga o Monumento Natural Estadual das Árvores Fossilizadas do Tocantins, um dos maiores sítios arqueológicos de vegetais fossilizados do mundo, com espécies que datam da Era Paleozóica, a cidade de Carolina, no Sul do Maranhão, é conhecida por ser o principal ponto de apoio para a visita ao Parque Nacional da Chapada das Mesas, um dos mais belos cartões-postais do estado pelas diversas cachoeiras e cânions da região.

“Sabemos que Carolina e as cidades da região têm uma grande importância para a economia do turismo. Tenho certeza que esse investimento ajudará no desenvolvimento da região”, frisou o governador Flávio Dino.

A ponte abrirá nova rota para turistas interessados no ecoturismo disponível em Carolina. Com suas 89 cachoeiras e mais de 400 nascentes, ganhou o apelido de Paraíso das Águas.

Othelino participa de inauguração de ponte em Vargem Grande e anuncia emendas para o município

Ao lado do prefeito Carlinhos Barros e de lideranças da região, o parlamentar também anunciou a destinação de emendas para a pavimentação de ruas da cidade e reforma do Terminal Rodoviário

O presidente da Assembleia Legislativa do Maranhão, deputado Othelino Neto (PCdoB), participou, neste sábado (7), da inauguração da ponte Raimundo Marques Santana, no povoado Cacimbas, em Vargem Grande. Ao lado do prefeito Carlinhos Barros e de lideranças da região, o parlamentar também anunciou a destinação de emendas para a pavimentação de ruas da cidade e reforma do Terminal Rodoviário, além da entrega de mais uma ambulância para o município no próximo ano.

A construção, com 65 metros de extensão, faz parte do projeto “Ponte para sempre”, que reconstrói pontes utilizando ferro, banindo as edificações de madeira e, com isso, ajudando a preservar o meio ambiente.

No ato, o presidente da Alema falou sobre a importância da obra para os moradores do povoado Cacimbas.

“O prefeito Carlinhos está de parabéns, pois essa é uma ponte construída com recursos próprios do município. É um gestor determinado, que sabe utilizar bem os recursos da cidade para entregar uma obra dessa importância para a população”, afirmou. 

O prefeito de Vargem Grande, Carlinhos Barros, agradeceu o apoio do deputado Othelino e falou sobre a importância da parceria da Assembleia Legislativa na garantia de benefícios para a população. “Othelino sempre foi um parceiro de Vargem Grande, assim como o governador Flávio Dino. Nosso município saiu do buraco e está dando passos largos rumo ao desenvolvimento”, declarou.

Durante a inauguração, Othelino anunciou a destinação de emendas para a pavimentação de ruas da cidade. Além disso, o chefe do Legislativo Estadual informou, ainda, que o prefeito Carlinhos Barros assinou convênio com o Governo do Estado para a reforma do Terminal Rodoviário, que também contará com emenda de sua autoria. O parlamentar também garantiu que o município será beneficiado com mais uma ambulância, que deverá ser entregue no início do próximo ano.

Othelino afirmou que a melhor forma de agradecer à população de Vargem Grande por toda a confiança e carinho depositados é trabalhando em prol do município. “Trago essa mensagem de agradecimento e essas boas notícias, reiterando que a minha forma de agradecer a Vargem Grande é trabalhando por sua população”, frisou.

Uma multidão acompanha governador Flávio Dino na inauguração do Calçadão de Imperatriz

A cerimônia de entrega atraiu milhares de pessoas para o Calçadão de Imperatriz, novo cartão postal da cidade

Foram décadas de espera, mas no final da tarde de sexta-feira (6), o governador Flávio Dino entregou a obra de reforma completa do Calçadão de Imperatriz, um dos maiores e mais tradicionais centros de comércio popular da Região Tocantina, beneficiando lojistas e consumidores de Imperatriz e cidades circunvizinhas. A cerimônia de entrega atraiu milhares de pessoas para o local.

Construído em 1979, essa é a primeira vez que o espaço recebe uma grande obra de revitalização. Orçada em R$ 3,4 milhões, a obra incluiu a construção da cobertura e de quiosques, serviços de urbanização e paisagismo, recuperação de iluminação, implementação do sistema de combate a incêndio e adequações necessárias para receber pessoas com deficiência físicas.

Além dessas melhorias, o espaço agora conta com sistema de drenagem e parte do piso central em concreto armado. Nas laterais, foi aplicado o piso intertravado, formado por blocos de concreto que facilitam a manutenção.

O escoamento da água da chuva também foi pensado para a nova cobertura, que dispõe de conexão das calhas com a drenagem. A cobertura é revestida com telhas termoacústicas, que reduzem o consumo de energia e os ruídos externos. Com a obra, o Calçadão de Imperatriz passa a ser a primeira rua  comercial coberta do Maranhão.

O governador Flávio Dino foi recepcionado com muito carinho pelos imperatrizenses, incluindo um grupo de mototaxistas, que aproveitou a oportunidade para agradecer pela recente medida do governador que isentou esses profissionais do pagamento do Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores (IPVA) a partir de 2020.

Para o governador Flávio Dino, a obra se insere na estratégia do Governo do Maranhão de valorização do espaço público, dinamismo econômico e geração de oportunidades de emprego e renda. O governador lembrou que o Calçadão entra no rol de conquistas que a gestão estadual vem garantindo à população de Imperatriz e região.

“Demos um passo muito importante hoje, porque, junto com a Beira-Rio, com a climatização do Centro de Convenções, o Calçadão faz parte da identidade da cidade de Imperatriz, e agora valorizado, qualificado e pronto para atrair novos consumidores”, frisou o governador.

A pesquisa FSB/Veja mostra que há três candidatos competitivos

Flávio Dino seria uma novidade vinda do Nordeste, uniria seus ativos de político experiente e ex-juiz federal ao eleitorado que tradicionalmente vota no PT.

Veja

A pesquisa FSB/Veja testa vários cenários com nomes de diferentes possíveis candidatos. Os três que se destacam são Bolsonaro e Sérgio Moro pela direita, e Lula pela esquerda. Considerando-se que o atual ocupante do cargo máximo da nação irá disputar a reeleição, é muito difícil que ele não consiga ir para o segundo turno. Mesmo que Moro seja candidato, Bolsonaro terá os instrumentos para abater o avião no ex-juiz ainda no solo. Sabemos todos que, no que tange a declarações públicas, Bolsonaro não tem limites. Moro seria a vítima preferencial no primeiro turno.

Do outro lado do espectro político destaca-se Lula. Recém saído da prisão, se hoje ele fosse candidato travaria uma disputa acirrada com Bolsonaro. Em 2018 a candidatura de Haddad cresceu rapidamente, em um mês, depois que Lula saiu da disputa e declarou seu apoio a ele. Haddad nunca disputara uma eleição nacional. Dilma também não quando eleita em 2010. Os dois eventos revelam que o PT e Lula têm força para colocar qualquer candidato no segundo turno.

O que esta pesquisa indica, portanto, é que o segundo turno mais provável, hoje, seria entre Bolsonaro e o candidato do PT. Não será surpresa se esse candidato vier do Nordeste, podendo ser Jaques Wagner, Rui Costa ou até mesmo Flávio Dino, desde que volte ao partido ao qual foi filiado no seu tempo de militância política estudantil. Haddad não tem vaga cativa para a candidatura presidencial. Todas as cartas estão na mesa. Flávio Dino seria uma novidade vinda do Nordeste, uniria seus ativos de político experiente e ex-juiz federal ao eleitorado que tradicionalmente vota no PT.

Pela direita a disputa será entre Boslonaro e Moro. Pela esquerda a disputa será entre quem se candidatará pelo PT. O tão desejado candidato de centro ainda não apareceu, ao menos na pesquisa hoje divulgada.