Covid-19: Maranhão tem 162 novos casos e 9 óbitos

Em boletim epidemiológico divulgado na noite desta segunda-feira (23), o Maranhão registrou mais 162 novos casos de Covid-19 pela doença. Com isso, o total de casos chega a 191.366 e o número de óbitos chega a 4.241.

Ainda de acordo com o boletim, também foram registrados nove óbitos pelo novo coronavírus em oito cidades: Bacabal (1), Timon (1), Porto Franco (1), Imperatriz (1), São João dos Patos (1), Riachão (1), Campestre do Maranhão (1) e Coroatá (2). Além disso, 75 casos foram registrados na Ilha de São Luís, 03 em Imperatriz e 84 nas demais regiões do Estado.

Quanto ao número de recuperados, o Maranhão chegou a 184.333 pessoas que venceram a pandemia, dentre estas diversas autoridades políticas.

STF determina que governo divulgue dados integrais sobre a Covid-19

Fachada do Supremo Tribunal Federal.

Por unanimidade, os ministros do Supremo Tribunal Federal (STF) decidiram que o governo federal deve divulgar diariamente os dados epidemiológicos integrais sobre a covid-19 nos moldes iniciais adotados pelo Ministério da Saúde. Em junho, a pasta passou a restringir as informações na página online que mantém para comunicar a evolução da doença, mas voltou atrás após liminar do ministro Alexandre de Moraes.

A votação foi feita no plenário virtual da Corte, ferramenta digital que permite aos magistrados analisarem processos sem a necessidade de reunião física ou por videoconferência. Os ministros julgaram pedidos enviados por bancadas de oposição ao governo cobrando transparência na divulgação dos dados do novo coronavírus. Para o ministro relator, Alexandre de Moraes, o fornecimento de todas as informações necessárias para o planejamento e combate à pandemia é obrigação do governo.

Nos termos da decisão, o governo federal fica obrigado a divulgar os dados ‘exatamente conforme realizado até o último dia 04 de junho de 2020’. A decisão se estende ainda ao governo do Distrito Federal que, em agosto, também mudou a metodologia de contabilidade dos casos e óbitos e agora deve retornar ao modelo anterior dos boletins.

Segundo turno: Braide e Duarte se enfrentarão em debates nesta semana

A partir desta terça-feira (24), os dois candidatos à Prefeitura de São Luís, que disputam o segundo turno na capital, Eduardo Braide (Podemos) e Duarte Júnior (Republicanos), participarão dos debates desta reta final de campanha. O primeiro embate será exibido amanhã pela TV Guará, às 22 horas.

Na quarta-feira (25), os candidatos se enfrentarão no debate promovido pela TV Band em parceria com a TV UFMA, que será exibido às 22:45h, com transmissão também pela Rádio Universidade FM.

Já na sexta-feira (27), os eleitores indecisos terão a oportunidade de definirem seus votos com o último debate que será realizado pela TV Mirante, às 22 horas.

Receita abre consulta a lote de restituição do Imposto de Renda

IMPOSTO DE RENDA 201,Declaração IRPF 2019

A Receita Federal abrirá, nesta segunda-feira (23), consulta ao lote residual de restituição do Imposto de Renda Pessoa Física (IRPF), que dará a 200 mil contribuintes que tinham caído na malha fina, a oportunidade de acertarem as contas e receberem o dinheiro.

A partir das 10 horas será divulgada na página da Receita Federal na internet a relação dos beneficiados. A consulta também poderá ser feita no Centro de Atendimento Virtual da Receita (e-CAC) e pelo telefone 146. Ao todo, serão beneficiados 198.967 contribuintes, que receberão R$ 399 milhões. Desse total, R$ 143,88 milhões serão pagos a 45.394 pessoas com 60 anos ou mais, contribuintes com alguma deficiência física ou mental ou doença grave e contribuintes cuja principal fonte de renda seja o magistério.

A Receita orienta os contribuintes que não tiveram a declaração liberada a verificar as pendências no Portal e-CAC e a autorregularizar a situação por meio de declaração retificadora. O e-CAC pode ser acessado por meio de um código digital. Quem não tiver o código deve digitar o número do recibo das duas últimas declarações do IRPF.

A restituição será depositada na conta informada pelo contribuinte na declaração e ficará disponível no banco durante um ano. Quem não tiver informado a conta ou tiver informado o número errado, deverá ir a qualquer agência do Banco do Brasil ou ligar para os telefones 4004-0001 (capitais), 0800-729-0001 (demais localidades) e 0800-729-0088 (telefone especial exclusivo para deficientes auditivos).