Rodízio de veículos começa nesta segunda-feira nas cidades da Grande Ilha

O rodízio será aplicado em São Luís, São José de Ribamar, Paço do Lumiar e Raposa

Nesta segunda-feira (11), apenas veículos de placas terminadas em número ímpar poderão circular nas avenidas e demais vias da Região Metropolitana de São Luís. A decisão é de Medida Provisória nº 313, editada pelo governador Flávio Dino, e tem como objetivo reduzir o fluxo nas vias, somando às medidas de combate ao coronavírus adotadas pelo Governo do Estado. O rodízio vai até quinta-feira (14).

O rodízio será aplicado em São Luís, São José de Ribamar, Paço do Lumiar e Raposa. Pela medida, carros de placas finalizadas em número ímpar poderão circular na segunda (11) e quarta (13); já veículos de placas terminadas em número par, circulam na terça (12) e quinta (14). A frota atinge cerca de 500 mil veículos na região, destes, 420 mil só na capital.

Estão excluídos do rodízio os taxistas e motoristas de aplicativos; veículos de profissionais da saúde e vinculados a órgãos da saúde, da segurança pública e Defesa Civil; da coleta de lixo; transporte coletivo; portadores de deficiência e doentes crônicos com mobilidade dificultada; do Poder Judiciário; de serviços funerários; transporte de alimentos e remédios; vinculados a serviços de energia, gás, combustíveis e saneamento básico; e veículos da imprensa.

“Com o lockdown já tivemos uma redução perceptível da frota circulante nas rodovias estaduais e vias públicas, tanto na zona urbana, quanto rural. Com essa medida, a proposta é reduzir ainda mais a circulação de pessoas”, pontua a diretora do Detran-MA, Larissa Abdalla. O descumprimento acarreta em infrações previstas no Código de Trânsito Brasileiro e Lei Federal n° 6.437, que preveem notificações e multas.

Na sexta-feira (15), será antecipado o feriado estadual referente à adesão do Maranhão à Independência do Brasil – comemorado originalmente em 28 de julho. Com isso, a circulação já será reduzida; e saída e entrada da cidade permanecerão fechadas. Mesmo com a medida provisória, as regras do lockdown continuam valendo, ou seja, quem já não podia circular continua sem poder circular, independente da placa do veículo.

Vereadores de Ribamar querem CPI lunática em plena pandemia da Covid-19

Após ter sido obrigada pela Justiça a realizar sessão remota para votar matérias de interesse do município, em plena Pandemia do Coronavírus, estão tentando inventar uma CPI lunática

A Câmara Municipal de São José de Ribamar é mesmo uma piada pronta.

Após ter sido obrigada pela Justiça a realizar sessão remota para votar matérias de interesse do município, em plena Pandemia do Coronavírus, estão tentando inventar uma CPI lunática, com a desculpa de investigar a falta de EPI’s.

Isso mesmo (pasmem!), em meio à grave crise sanitária que o mundo vive, e que afeta naturalmente o município, os vereadores querem saber porque tá faltando EPI. Um absurdo sem tamanho haja vista que toda hora é noticiado sobre a dificuldade que estados e municípios estão tendo para conseguir EPI’s, insumos hospitalares, entre outros.

E para piorar a situação, a iniciativa, de forma velada, é de vereadores aliados do prefeito Eudes Sampaio, identificados em mensagens de WhatsApp como Moisés, Valdo e Cristiano. Oficialmente, porém, a proposta é de um vereador oposicionista.

Misericórdia de São José de Ribamar!

Parlamentares aprovam estado de calamidade nas cidades de Vitória do Mearim e São José de Ribamar

Vitória do Mearim e São José de Ribamar vem sofrendo com a crise do coronavírus e H1N1

Durante sessão remota por videoconferência realizada na manhã desta segunda-feira (27), a Assembleia Legislativa aprovou dois decretos de calamidade pública, instituídos pelos prefeitos Eudes Sampaio, de São José de Ribamar, e Dídima Coelho, do município de Vitória do Mearim, em função dos problemas decorrentes da pandemia do novo coronavírus e da gripe H1N1.

Em 21 de março, a prefeita de Vitória do Mearim, Dídima Coelho, declarou situação de calamidade no município, através do Decreto N° 254, elencando uma série de problemas, entre eles diversos casos suspeitos da Covid-19, o aumento do número de ocorrências de infecção pelo vírus H1N1, assim como os problemas decorrentes das fortes chuvas que estão prejudicando a cidade, deixando centenas de famílias desabrigadas.

Em sua decisão, a prefeita alude ao Decreto nº 35.672, de 19 de março de 2020, do Governo do Estado, que especifica a competência do município quanto à preservação do bem-estar da população, bem como das atividades socioeconômicas nas regiões atingidas por eventos adversos.

Ela também se respaldou na Portaria n° 188, de 03 de fevereiro de 2020, do Ministério da Saúde, que  declarou Emergência em Saúde Pública de Importância Nacional, em decorrência da Infecção Humana pelo novo coronavírus, o que exige esforço conjunto de todo o Sistema Único de Saúde (SUS), para identificação da etiologia dessas ocorrências, bem como  a adoção de medidas proporcionais e restritas aos riscos. Ela destaca ainda que o município de Vitória do Mearim já elaborou o Plano de Contingência e que a situação demanda o emprego urgente de medidas de prevenção, controle e contenção de riscos, danos e agravos à saúde pública, a fim de evitar a disseminação da doença em âmbito municipal.

São José de Ribamar

Por seu lado, o prefeito de São José de Ribamar, Eudes Sampaio, encaminhou mensagem à Assembleia Legislativa, em 13 de abril, na qual justifica seu pedido para o reconhecimento da situação de calamidade pública na cidade que administra.

“Como é do conhecimento de todos, o mundo atravessa uma grave crise sanitária, em razão da pandemia da COVID-19, além do grande número de casos de infecção pelo vírus H1N1. Apesar de todas as medidas de prevenção adotadas pelo Estado do Maranhão e pelo município de São José de Ribamar, o cenário de incertezas quanto ao aumento do número de infectados impõe a tomada de decisões e adoção de providências, com um único objetivo de garantir proteção à população ribamarense”, acrescenta.

Destaca ainda que, com essa finalidade, editou no dia 31 de março o Decreto n.º 1669, que declara estado de calamidade pública no município de São José de Ribamar, para fins de prevenção e enfrentamento ao vírus H1N1 e à COVID-19. Ele também se fundamenta nos decretos do governador Flávio Dino e em determinações do Governo Federal.

Maranhão registra mais de 100 casos nas últimas 24 horas e número chega a 797

Com mais 102 casos nas últimas 24 horas, o Maranhão passa a ter 797 casos confirmados em 28 municípios.

O Governo do Estado informou, nesta quinta-feira (16), que o Maranhão chegou a 40 mortos por Covid-19. Foram mais três vítimas do novo coronavírus, sendo duas em São José de Ribamar, o que faz com que o município tenha os primeiros registros de óbito pela doença. O outro óbito foi em São Luís.

Com mais 102 casos nas últimas 24 horas, o Maranhão passa a ter 797 casos confirmados em 28 municípios.

Segundo o novo boletim, 3.676 casos suspeitos continuam aguardando confirmação e 2.465 já foram descartados.

Os números que assustam já colocaram a cidade de São Luís em estado de emergência, de acordo com o Ministério da Saúde.

Eudes Sampaio oficializa pré-candidatura a reeleição em Ribamar

Eudes já tem o apoio do PTB, PROS e Cidadania

O atual prefeito de São José de Ribamar, Eudes Sampaio (PTB), oficializou sua pré-candidatura a reeleição. O evento, realizado no sábado (8), teve a participação de vários políticos, entre eles, a senadora Eliziane Gama.

Eudes já tem o apoio do PTB, PROS e Cidadania. Outros partidos devem se juntar ao projeto nos próximos meses.

A disputa pela prefeitura de São José de Ribamar deve ser bem acirrada. Além de Eudes, nomes como do ex-deputado Jota Pinto, do atual presidente da Câmara de Vereadores, Beto das Vilas já se colocam na disputa.

“Retorno ao PDT para somar, não para desagregar”, esclarece Jota Pinto

O pré-candidato esclarece que está de volta ao PDT para somar com todos os membros do partido

Diante de informações de que o ex-deputado e pré-candidato a prefeito de São José de Ribamar, Jota Pinto, estaria assumindo a direção do PDT em Ribamar para substituir Gil Cutrim, em busca de ocupar o espaço político do ex-prefeito, o pré-candidato esclarece que está de volta ao PDT para somar com todos os membros do partido e dar prosseguimento ao seu projeto político de forma conciliatória.

“Quem me conhece, sabe que uma das minhas características principais é a postura conciliadora e agregadora que sempre adotei na vida profissional e política. Estou retornando ao PDT a convite do senador Weverton Rocha e do prefeito de São Luís, Edivaldo Holanda Júnior, para fortalecer o partido e somar com todos os seus integrantes, não para disputar espaço ou desagregar”, afirma Jota Pinto.

Faltam 250 dias para as eleições municipais de 2020

Com exatos 250 dias para o pleito, muita coisa deve se intensificar, sobretudo, os acordos políticos, as definições partidária e as composições de chapas.

Já entraram em contagem regressiva as eleições municipais de 2020. Com exatos 250 dias para o pleito, muita coisa deve se intensificar, sobretudo, os acordos políticos, as definições partidária e as composições de chapas.

Maior cidade do Maranhão, São Luís vai ser o centro das atenções e boa parte do que acontecer por aqui deve ditar a política maranhense para as próximas eleições.

Mas as disputas de cidade como Imperatriz, Caxias, Timon e São José de Ribamar estarão na pauta rotineiramente.

Com 250 dias para as eleições, os olhares se voltam para o final das filiações partidárias, que se encerram no início de abril e deve clarear como serão as disputas.

Jota Pinto assume PDT de São José de Ribamar no lugar de Gil Cutrim

Jota Pinto ganha mais força na pré-campanha após assumir o PDT

O ex-deputado e pré-candidato a prefeito, Jota Pinto, assumiu a presidência do PDT em São José de Ribamar, terceira maior cidade do Maranhão.

O pré-candidato assume a liderança da legenda no lugar do deputado federal Gil Cutrim, que decidiu sair do partido após votar a favor da reforma da Previdência. Gil Cutrim, que já foi prefeito da cidade, foi eleito deputado federal em 2018 pelo PDT.

Agora, Jota Pinto ganha mais força na pré-campanha após assumir o PDT. Vale lembrar que o pré-candidato lidera as pesquisas de intenções de voto na cidade.

Jota Pinto troca Patriotas pelo PDT para disputar prefeitura de São José de Ribamar

A filiação do pré-candidato deve acontecer no próximo dia 1° de fevereiro

O ex-deputado Jota Pinto vai trocar seu atual partido, o Patriotas, para disputar as eleições municipais em São José de Ribamar, pelo PDT. A informação foi confirmada pelo pré-candidato durante entrevista ao programa Ponto Continuando, da Rádio Mais FM, na noite de quinta-feira (16).

Terceiro maior município de Maranhão, São José de Ribamar, localizado na região metropolitana de São Luís, é uma cidade estratégica e agora se torna importante para o projeto político do PDT.

A ida de Jota Pinto para o PDT é resultado de um convite feito pelo presidente estadual e senador, Weverton Rocha, além de ter a simpatia do prefeito de São Luís, Edivaldo Holanda Jr.

A filiação do pré-candidato deve acontecer no próximo dia 1° de fevereiro, na cidade balneária e deve contar com a presença de boa parte da militância do PDT e outras legendas que já estão com Jota Pinto.