Familiares procuram homem desaparecido em São Luís

O homem foi visto pela última vez nas imediações da Vila Palmeira

Mackson da Silva Costa, de 37 anos, encontra-se desaparecido. Ele, que também é pastor, desapareu sexta-feira (11).

O homem foi visto pela última vez nas imediações da Vila Palmeira, no seu veículo, um Fiat Mobi, de cor vermelha, placa PSX 9805.

A família pede a quem tiver qualquer informação ligar para o Disque Denúncia 3223-5800 ou mandar uma mensagem pelo Whatsapp 9 9224-8660, também do Disque Denúncia.

Crianças atendidas pelo programa Sol Nascente vão ao cinema no Dia Das Crianças promovido pelo Gedema

148 crianças foram ao cinema e participaram de um delicioso almoço promovido pelo Gedema

Café da manhã, sessão de cinema e um delicioso almoço marcaram o Dia das Crianças dos 148 integrantes do Programa Sol Nascente, projeto social mantido pelo Grupo de Esposas de Deputados do Estado do Maranhão (Gedema), sob o comando de Ana Paula Lobato, esposa do presidente da Assembleia Legislativa, Othelino Neto (PC do B).

A movimentação dos estudantes teve início às 7h, com um café da manhã, servido na instituição, que funciona na sede da Associação dos Servidores da Assembleia Legislativa (Assalem). Às 9h, o momento mais esperado por todos: a sessão de cinema para assistir ao filme Os Vingadores, no Shopping Pátio Norte. Em seguida, por volta do meio-dia, as crianças retornaram à sede da entidade para o almoço servido no local.

A coordenadora do programa, Cynthia Brito, afirmou que esses momentos proporcionados como presente do Dia das Crianças só foram possíveis graças à sensibilidade da presidente do Gedema, Ana Paula, e do deputado Othelino Neto. “Esta foi a primeira vez que os participantes do programa  Sol Nascentes tiveram uma sessão de cinema agregada às festividades pelo Dia da Criança”, afirmou.

O programa Sol Nascente oferece ainda oficinas nas modalidades esportivas com equipes de handebol, vôlei e futebol; e artísticas, com aulas de dança, violino, instrumentos de sopro e o canto coral.

Prefeito Edivaldo lança 13ª edição da Feira do Livro de São Luís

A expectativa é que o evento receba um público superior a 160 mil pessoas, número de visitantes do ano passado.

De 11 a 20 de outubro São Luís será o centro das atenções da literatura maranhense. É que neste período ocorre a 13ª Feira do Livro de São Luís (FeliS). Nesta terça-feira (24) o prefeito Edivaldo Holanda Junior fez o lançamento do evento no auditório do Centro Cultural e Administrativo do Ministério Público do Maranhão. A FeliS é o maior evento cultural e de fomento à leitura do Maranhão. Em 2019 o tema é “O Brasil atemporal na obra de Aluísio Azevedo” e vai reunir mais de 100 autores locais. A expectativa é que o evento receba um público superior a 160 mil pessoas, número de visitantes do ano passado.

O prefeito Edivaldo Holanda Junior, que estava acompanhado da primeira-dama Camila Holanda, do vice-prefeito, Julio Pinheiro, e do titular da Secult, Marlon Botão, entre outros secretários municipais, afirmou que a FeliS estimula a leitura e movimenta o comércio do setor. “Durante 10 dias iremos receber a população de São Luís e de outros municípios maranhenses que participarão das várias atividades da nossa programação. As crianças são o nosso público mais importante. Todos os dias levamos alunos da nossa rede para participarem da programação e terem contato com os poetas, escritores e se sentirem motivadas a ler”, disse o gestor municipal.

A FeliS é uma promoção da Prefeitura de São Luís, por meio das secretarias municipais de Cultura (Secult) e Educação (Semed) e correalização do Serviço de Apoio às Micro e Pequenas Empresas do Maranhão (Sebrae). A programação da Feira do Livro de São Luís é toda gratuita e será realizada no Multicenter Sebrae das 10h às 22h.

O lançamento da 13ª edição da Feira do Livro de São Luís reuniu autoridades, escritores, representantes de entidades literárias e livrarias entre outros entusiastas da cultura e literatura local. Este ano, além do patrono Aluísio Azevedo, também serão homenageados os também maranhenses Rosa Mochel e Dreyfus Azoubel, ambos comemorando o centenário de nascimento.

Os bons nomes do grupo do governador Flávio Dino para a disputa na capital

Todos os nomes do grupo do governador Flávio Dino estão em partidos competitivos e podem crescer nas pesquisas de intenções de voto até 2020

Faltando um ano para as eleições de 2020, o cenário político de São Luís segue indefinido, mas começam a ganhar corpo as possíveis pré-candidaturas e os nomes da disputa. Até o momento, um pouco mais de uma dezena de possiveis nomes já se apresentam como pré-candidatos e outros tantos ainda tentam garantir uma legenda. Sabe-se que até as convenções, boa parte desses nomes decidirá desistir da disputa e poderá compor chapas majoritárias.

Dentre os vários nomes, destacam-se os pré-candidatos do grupo do governador Flávio Dino (PCdoB), todos eles estão em partidos competitivos e podem crescer nas pesquisas de intenções de voto até 2020.

Podemos destacar Duarte Júnior e Rubens Júnior, ambos do PCdoB. Os dois pré-candidatos trabalham diariamente para garantir a homologação do partido na disputa. Duarte segue desempenhando um bom mandato na Assembleia Legislativa, além de conversar com vários setores e entidades da sociedade civil. Já Rubens, tem feito um belo trabalho a frente da Secretaria de Estado das Cidades e promete intensificar sua agenda de inaugurações e ações.

Outro nome do grupo governistas é o do deputado estadual Neto Evangelista (DEM), que já foi candidato a vice-prefeito e conta com o apoio de sua legenda tanto a nível estadual, quanto nacional.

Osmar Filho, presidente da Câmara Municipal de São Luís, segue articulando o apoio de vários vereadores da capital e com o apoio decisivo da militância do PDT, tem todas as condições de crescer nas pesquisas.

Mais alguns nomes do grupo do governador Flávio Dino tentam viabilizar suas candidaturas e podem ser bons nomes na disputa pela prefeitura de São Luís. São eles: o deputado Bira do Pindaré (PSB), Dr. Yglésio (Hoje no PDT, mas que pode mudar para o Solidariedade) e Jeisael Marx, que garantiu a Rede Sustentabilidade para se candidatar e tem boa ligação com o governador Flávio Dino.