Davi Alcolumbre testa positivo para novo coronavírus

De acordo com a assessoria, o primeiro teste ao qual ele foi submetido deu negativo, mas, na noite desta terça (17), Alcolumbre fez um novo exame, que deu resultado positivo

A assessoria de imprensa do Senado informou nesta quarta-feira (18) que o presidente do Congresso, senador Davi Alcolumbre (DEM-AP), contraiu o novo coronavírus.

De acordo com a assessoria, o primeiro teste ao qual ele foi submetido deu negativo, mas, na noite desta terça (17), o presidente do Senado fez um novo exame, que deu resultado positivo.

“Davi Alcolumbre, no entanto, está bem, sem sintomas severos, salvo alguma indisposição, e segue em isolamento domiciliar, conforme determina o protocolo de conduta do Ministério da Saúde e a OMS”, acrescentou a assessoria.

Além de Alcolumbre, outros parlamentares foram diagnosticados com o novo coronavírus, entre os quais o senador Nelsinho Trad (PSD-MS) e o deputado Cezinha de Madureira (PSD-SP).

Na última segunda (16), Davi Alcolumbre participou de uma reunião com representantes de todos os poderes para discutir medidas de combate ao novo coronavírus.

Participaram do encontro o presidente do Supremo Tribunal Federal, Dias Toffoli; da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ); além do ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta.

Bolsonaro impressiona pela capacidade única de falar bobagens, diz Flávio Dino

O presidente criticou os governos estaduais por, segundo ele, radicalizarem nas medidas de restrição como forma de conter o avanço do vírus

Folha de S. Paulo

O governador do Maranhão, Flávio Dino (PCdoB), reagiu às recentes declarações de Jair Bolsonaro (sem partido) sobre as medidas adotas por governadores para conter o avanço do novo coronavírus no Brasil.

O presidente criticou os governos estaduais por, segundo ele, radicalizarem nas medidas de restrição como forma de conter o avanço do vírus. Para Bolsonaro, as medidas ajudam a promover “histeria” e vão prejudicar a economia brasileira, atingindo os trabalhadores informais, que não terão dinheiro para se alimentar adequadamente e ficarão à mercê da Covid-19.

“Bolsonaro impressiona a cada dia pela capacidade única que tem de falar bobagens, em uma hora de dificuldades”, disse o Dino, em entrevista à Folha.

Lençóis Maranhenses fecham portas para turistas como prevenção ao Covid-19

Uma das principais orientações da Organização Mundial de Saúde (OMS) e do próprio Ministério da Saúde para impedir a disseminação do coronavírus é evitar aglomerações

O presidente do ICMBio, Homero Cerqueira, encaminhou ofício suspendendo visitas em todas as unidades de conservação federais abertas ao turismo. A medida engloba o Parque Nacional dos Lençóis Maranhenses, que ficará fechado para visitação durante uma semana, como ação preventiva diante do crescimento do novo coronavírus no Brasil.

Uma das principais orientações da Organização Mundial de Saúde (OMS) e do próprio Ministério da Saúde para impedir a disseminação do coronavírus é evitar aglomerações

Em nota publicada no site oficial, o Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio) fala sobre a recomendação:

“Considerando a classificação da situação mundial do novo coronavírus (COVID-19), o Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio), autarquia vinculada ao Ministério do Meio Ambiente, suspende, por determinação do Presidente da República, a visitação pública em todas as unidades de conservação federais pelo período de uma semana, a contar da presente data, podendo haver prorrogação.

A medida atende as orientações do Ministério da Saúde e visa contribuir para a segurança da população neste momento em que é necessário evitar aglomerações.”

Presidente do Santander Portugal morre após ser contaminado com coronavírus

Portugal já registrou 448 casos confirmados de coronavírus,

O presidente do Santander Portugal (ainda conhecido no país como Santander Totta), António Vieira Monteiro, morreu nesta quarta-feira, 18, segundo a imprensa local. Ele estava em quarentena e faleceu no hospital Curry Cabral, em Lisboa, depois de ser infectado com a covid-19. Monteiro é a segunda vítima da doença em Portugal.

Vieira Monteiro, de 73 anos, assumiu a presidência do conselho do Santander Totta em 2019, após sete anos como presidente-executivo.

Um porta-voz do Santander confirmou que Vieira Monteiro havia morrido, mas não quis dizer se era em decorrência de coronavírus. O Santander ainda não fez nenhum comunicado oficial sobre o falecimento de seu principal executivo em Portugal.

O Jornal Económico disse que Vieira Monteiro foi colocado em quarentena no início deste mês após uma viagem à Itália, e estava em tratamento intensivo em um hospital de Lisboa desde a semana passada.

Portugal registrou 448 casos confirmados de coronavírus, muito abaixo dos 11.178 da vizinha Espanha.

Exame de coronavírus em general Augusto Heleno dá positivo

O general Heleno fez parte da comitiva que acompanhou o presidente Jair Bolsonaro em viagem aos Estados Unidos.

O ministro-chefe do Gabinete de Segurança Institucional (GSI), general Augusto Heleno, testou positivo para o novo coronavírus. A informação foi confirmada pelo próprio general, por meio das redes sociais. Ele afirmou que está assintomático, cumprindo isolamento e aguardando contraprova.

“Informo que o resultado do meu segundo exame, realizado no HFA, acusou positivo. Aguardo a contraprova da FioCruz. Estou sem febre e não apresento qualquer dos sintomas relacionados ao Covid-19. Estou isolado, em casa, e não atenderei telefonemas”, escreveu.

O general Heleno fez parte da comitiva que acompanhou o presidente Jair Bolsonaro em viagem aos Estados Unidos. Este foi o segundo exame feito pelo ministro. No último dia 12 de março, o resultado deu negativo. O ministro está com 72 anos e integra o chamado grupo de risco.

Com a confirmação da doença, sobe para 16 o número de membros que acompanharam Bolsonaro na viagem a Miami ou tiveram contato com integrantes que testaram positivo para o novo coronavírus. Bolsonaro também se submeteu a um segundo exame, nessa terça-feira (17/3), o qual atestou negativo para o vírus. Além de Bolsonaro e Heleno, os ministros Luiz Eduardo Ramos (Secretaria de Governo) e Ernesto Araújo (Relações Institucionais) também refizeram os exames.

Governador de Goiás assina decreto determinando fechamento do comércio

Estão suspensas atividades no comércio, como shoppings, bares, cinemas, entre outros

O governador de Goiás, Ronaldo Caiado, assinou decreto na noite de hoje determinando a suspensão de atividades no comércio, como shoppings, bares, cinemas, entre outros. A medida, segundo o governador, é extremamente restritiva, mas contribui para diminuir a movimentação da população em tempos de pandemia do coronavírus.

“Dessa maneira, foram suspensos por 15 dias: atividades em feiras, inclusive feiras livres; atividades em shoppings, galerias ou pólos comerciais de rua; atividades em bares e restaurantes, mas serviço de entrega é permitido; atividades em cinemas, clubes, academias, boates, teatros, casas de espetáculos e clínicas de estética”, detalhou ele.

“É uma medida que eu sei que é extremamente restritiva. Mas eu quero dizer a vocês: vai, indiscutivelmente, garantir muito mais a saúde de todos os goianos. Vamos tomar medidas para bloquear feiras, shopping centers… A discussão nossa, junto com o ministro da Saúde, é também para bloquear o aeroporto. São ações continuadas para cada vez mais diminuir a movimentação da população. Com isso, neste momento, neste período de 15 dias para frente”, completou.

Caiado ressaltou ainda que “estabelecimentos médicos e hospitalares, além dos laboratórios, farmácias, supermercados, distribuidoras de gás e postos de combustíveis continuarão funcionando normalmente.”

Paciente morre com sintomas de coronavírus no Rio

O enteado da vitima veio de Nova York, nos Estados Unidos, com diagnóstico positivo para a covid-19.

Um homem de 69 anos morreu hoje com sintomas do coronavírus no Rio de Janeiro. Segundo comunicado do Hospital Icaraí, o paciente estava com pneumonia e insuficiência respiratória aguda e sofreu um choque séptico. O enteado dele teve teste positivo para a covid-19, mas o hospital não esclareceu se o paciente que morreu tinha a mesma doença.

De acordo com os médicos, o paciente teve quadro iniciado no dia 11 de março e o óbito foi registrado às 19h08 (de Brasília) da noite de hoje (17).

O enteado da vitima veio de Nova York, nos Estados Unidos, com diagnóstico positivo para a covid-19.

Até às 19h de ontem (17), o Ministério da Saúde confirmava a morte de uma pessoa causada pelo novo coronavírus no Brasil. O caso ocorreu em São Paulo. A vítima em questão era um homem de 62 anos, com diabetes e hipertensão — ou seja, também estava no grupo de risco da doença.

Segundo estudos publicados, a letalidade do novo coronavírus é maior entre os idosos, como no caso das duas primeiras mortes em território nacional.

Coronavírus: Famem orienta prefeituras sobre medidas para combater pandemia

A primeira das recomendações é a adoção do Plano Municipal de Contingência

Diante da situação de pandemia de Covid-19, a Federação dos Municípios do Estado do Maranhão está orientando os gestores municipais a adotarem medidas a fim de evitar o ambiente propício à infecção humana por coronavírus. Além das recomendações, a Famem dispôs aos gestores modelos de plano de contingência e formulário de decreto em Estado de Emergência em Saúde.

O documento elaborado pela equipe técnica da Famem, expõe onze recomendações de prevenção e combate ao Covid-19, que seguem as mesmas diretrizes adotadas pela Organização Mundial de Saúde, Ministério da Saúde e Secretaria de Estado da Saúde.

Todas as recomendações devem ser adotadas para vigorar pelo período de 15 dias. Após este período nova avaliação será feita para dar prosseguimento às ações de prevenção e combate ao coronavírus.

A primeira das recomendações é a adoção do Plano Municipal de Contingência. Da mesma forma orienta para que sejam suspensos os eventos promovidos pelo poder que contribuam para aglomeração de públicos, assim como da iniciativa privada que dependam de licenças de órgãos de governo.

Também define a suspensão de viagens de servidores em missões oficiais, ressalvando os casos excepcionais justificados. Em relação aos servidores, ressalta a importância do imediato afastamento dos com idade acima de 60 anos, com doenças crônicas, autoimunes ou imunodepressora que apresentem morbidades ou problemas nos órgãos respiratórios.

Os municípios devem suspender todas as atividades de instituições de ensinos em todos os níveis de escolaridade como medida imprescindível para evitar a proliferação do Covid-19.

Durante o período de 15 dias, os gestores deverão promover campanhas nos meios de comunicação eletrônico sobre medidas básicas de higiene. Tais medidas devem ser enfatizadas nos órgãos.

Os gestores devem também adotar os protocolos previstos na Lei nº.13.979/2020, que prevê medidas como: isolamento de população infectada, determinação de quarentena, dispensa de pessoal com sintomas de doença, compra de material sem aprovação da ANVISA, dispensa de licitação para aquisição de bens e serviços destinados ao coronavírus, dentre outras.

Em caso de confirmação de circulação do vírus os gestores deverão proceder com a constituição do Comitê Municipal de Prevenção e Combate do Covid-19 bem como decretar a a imediata situação de emergência em saúde no âmbito da circunscrição dos municípios.